Gelo no rosto: quais os benefícios para a pele?

0
138

Lavar o rosto diariamente é uma das etapas mais importantes da rotina de skincare, especialmente para eliminar impurezas, resíduos e bactérias. Esse passo simples, aliado a uma boa hidratação, é essencial para a manutenção e para a proteção da pele.

No entanto, quando falamos em limpar o rosto, é fundamental entender como a temperatura da água pode afetar positiva ou negativamente a pele. Nesse sentido, muita gente vem lançando mão de uma nova mania em skincare: incluir cubos de gelo nos rituais de cuidados diários.

Benefícios do gelo para o rosto

De acordo com Laís Leonor, médica dermatologista da clínica Dr. André Braz, no Rio de Janeiro, lavar o rosto com água fria pode ser benéfico, especialmente considerando que a contração dos vasos sanguíneos – em contato com a água gelada – pode melhorar o aspecto da pele.

“Ao entrar em contato com a água fria, os vasos sanguíneos diminuem de tamanho, causando um processo chamado de vasoconstrição, que pode ajudar a reduzir inchaços e a melhorar a aparência das olheiras”, explica a médica.

Além disso, a água fria ainda pode ajudar a preparar a pele para a maquiagem, pois fecha momentaneamente os poros dilatados, diminui o aspecto das rugas superficiais e melhora a aparência do tom da pele, deixando a cútis com a textura mais viçosa e lisa para receber as camadas de produtos.

Assim, dentre os principais benefícios do uso de gelo no rosto estão:

  • Diminuição dos poros da pele
  • Ajuda a reduzir o inchaço do rosto (especialmente o inchaço matinal)
  • Mantém a acne sob controle
  • Melhora o aspecto e duração da maquiagem

Passar gelo no rosto pode fazer mal?

Assim como a água muito quente, a água demasiadamente gelada e o contato direto do gelo com a pele também podem causar queimadura e irritação, principalmente em pessoas que têm a pele mais sensível ou com certas condições, como a rosácea, por exemplo.

Dessa forma, é importante que a pessoa tome bastante cuidado ao manusear o gelo no rosto e respeite as particularidades da própria pele. Além disso, é fundamental fazer uma consulta médica antes de lançar mão da técnica, garantindo que não haja nenhuma contraindicação ou restrição ao método.

Como aplicar gelo no rosto?

Se você quer tirar bons proveitos dessa técnica e realizá-la da forma mais segura e saudável possível, atente-se a esses cuidados na hora passar o gelo no rosto:

  • Enrole os cubos de gelo em uma toalha fina ou em um lenço e passe no rosto por três a cinco minutos
  • Massageie e esfregue o gelo (envolvido em um tecido) suavemente e em movimentos circulares para obter melhores resultados
  • Se você tem a pele sensível, não aplique cubos de gelo diretamente no rosto: uma toalha ou compressa fria funciona melhor
  • Evite deixar o gelo em uma área específica do rosto por mais de um minuto
  • Tenha cuidado ao aplicar o gelo ao redor dos olhos, pois trata-se de uma região bastante sensível

Qual a temperatura ideal para a pele?

Lavar o rosto com água morna ou em temperatura ambiente é o meio termo ideal para a segurança e para a manutenção da pele, pois não perturba a fisiologia natural do meio e permite uma melhor absorção dos produtos.

Outro fator importante é observar que a maioria das fórmulas de produtos para a pele, como sabonetes e tônicos faciais, é formulada especialmente para essa temperatura. Portanto, combinar a água morna com eventuais produtos pode ser a melhor forma de obter os melhores resultados.

Fonte: Gelo no rosto: quais os benefícios para a pele? | Minha Vida

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here